segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Pássaro só

Quando eu ouço uma música boa, lembro de você, esqueço de mim. Voo e não volto. Vou para longe, sem tempo para perder, sem pressa de voltar. Quando a música acaba, chego depressa e não te encontro aqui. Procuro outras músicas para tentar te achar, e assim o dia passa, a noite chega e a saudade vira rotina, como se eu tivesse você, pelo menos um dia. Coisa que nunca aconteceu. Você é do mundo, e eu, sou do meu, sem você.

Perdi meu canto, no meu canto, canto e espero, voo e canto. Asas que não te acham, canto que não chega – pássaro só.


E as músicas boas tocam todo dia. Ouço e voo, ouço e volto.



.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...