segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Antes do segundo sinal

Mal começou e eu já estou aflito.

Entre todas as questões que ficam na cabeça e as que aparecem na minha frente, eu me acho e me perco mil vezes. Posso estar certo, errado ou não ter nenhuma noção dos dois.

E nessa confusão, sigo o caminho atrapalhado da descoberta. Dançando sozinho ou no mesmo barco de muitos, caindo em tentação e se erguendo no meio do inferno da incerteza.

Várias alternativas.

O que me orienta é não saber aonde chegar e nem onde estou. O que me guia é um fio de esperança dizendo que uma hora vou descobrir – por osmose, talvez.

Várias questões, múltiplas escolhas, alternativas, dissertações... Um caos chamado:

Prova

Enquanto a hora não vem, a professora passa pela sala em silêncio e olha com reprova a minha folha ainda em branco.

Tem coisas que não dá pra saber antes de viver. Por mais que eu estude, teoria é teoria.

A vida começa no primeiro, assim como todas as dúvidas, e acaba no segundo, sinal. Essa é a prova real.

Ela sabe que eu não vou me entregar assim, pelo menos até o sinal tocar.


.

Um comentário:

Loading...